Um encontro especial com Malala Yousafzai

Um encontro especial com Malala Yousafzai 768 461 Ballet Paraisópolis

Olá, pessoal. O post de hoje é MUITO especial!

No dia 09 de julho tivemos a oportunidade de participar de um encontro inédito com a paquistanesa e mais jovem ganhadora do Prêmio Nobel da Paz, Malala Yousafzai.

Foi a primeira vez de Malala no Brasil! A convite do Itaú, ela participou de uma conversa muito interessante sobre educação e a importância da leitura, lá no Auditório Ibirapuera – Oscar Niemeyer. O evento, que era fechado para convidados, contou com a participação de grandes personalidades e foi mediado pela jornalista Adriana Carranca.

Desde que o evento foi divulgado tentamos de todas as formas levar nossos alunos lá, para, ao menos, poderem escutar algumas palavras da jovem Malala. Infelizmente não foi possível levar todos, mas conseguimos dois convites, graças a ajuda da Agência Tudo (obrigado!). Portanto,  foram ao Auditório a nossa diretora Monica Tarragó, e a aluna Mariana Farias, de 14 anos, representar o Ballet Paraisópolis no tão esperado evento.

E como já era de se esperar o evento foi INCRÍVEL. Era possível ver o encanto nos olhos da Mariana, que permaneceu super concentrada desde a entrada no Auditório até a saída. Ao final do evento pedimos para que ela colocasse no papel sua opinião sobre o evento. Dessa maneira, ela poderia absorver ainda mais tudo aquilo que foi abordado e depois contar para os demais alunos do BP como tinha sido essa experiência única.

As palavras da Mariana são emocionantes e nos mostram o quanto Malala continua nos inspirando. Vejam o depoimento:

Bom, pela primeira vez entrei no Ibirapuera, não pra dançar, mas sim como espectadora e isso foi incrível pra mim. É uma sensação inexplicável, porque eu estava ali sentada para esperar uma mulher, mas não uma qualquer, uma mulher chamada Malala Yousafzai, que levou um tiro pelo simples motivo de querer estudar.

Quando Malala Yousafzai entrou pela coxia e começou a falar sobre o que aconteceu com ela, percebi na mesma hora, no mesmo instante, que ela tinha virado a minha inspiração. Eu sentia que Malala me entendia e isso só fez, só está fazendo, eu lutar e nunca desistir dos meus sonhos e seguir a minha carreira pela educação e pela leitura.

Malala é uma mulher incrível que vai ajudar o Brasil a ser um lugar melhor, e ela vai fazer isso usando a educação, fazendo parcerias com algumas organizações. No dia da palestra, Malala respondeu a todos que a gente tem esse poder, o poder da voz, o poder do voto. Nós temos isso em mãos. Respondeu também que ela tirava a inspiração de poder estar viva no outro dia, porque onde ela nasceu existem muitas guerras, muitas bombas, e só o fato dela respirar, falar, poder estudar e ler no outro dia, já era de grande importância para ela.

Eu sou muito grata por poder ver ela, e uma frase que ela disse e que me emocionou, foi que mesmo se ela não tivesse o apoio dos pais, não desistiria e nunca deixaria de lutar pelo que ela acredita. E isso me comove porque nunca tive o apoio de meu pai e uso ela (Malala Yousafzai) como um motivo de nunca deixar de correr atrás dos meus sonhos…s2

Ass: Mariana Farias

#MalalaYousafzai

 

X